Ter um controle financeiro eficiente é essencial para que as agências de turismo receptivo mantenham as finanças saudáveis e o negócio em constante evolução. Gerenciar de perto as entradas e saídas do caixa ajuda a descobrir em que áreas estão as maiores despesas e a planejar o futuro financeiro do negócio.

Entre os passos para ter um bom controle financeiro na sua empresa estão ficar atento ao fluxo de caixa, fazer um planejamento estratégico e separar as verbas pessoais das empresariais. Escolher bem os parceiros e investir em um sistema que gerencie os processos, as vendas e mantenha os pagamentos sob controle são outros cuidados que você deve ter.

Continue a leitura e aprenda como ter um controle financeiro eficiente em sua agência de turismo receptivo!

Tenha atenção ao fluxo de caixa

Um gerenciamento financeiro eficaz das finanças passa por entender o fluxo de caixa da agência. Acompanhe de perto as entradas e saídas das contas e do cartão corporativo para saber, em primeiro lugar, se as receitas estão superando as despesas.

Caso os gastos superem o que você fatura, é preciso analisar com cuidado as despesas para ver em que áreas do negócio é possível realizar cortes ou reduções.

Faça um planejamento estratégico

O planejamento estratégico é um dos principais aliados dos empresários que querem organizar as finanças da agência e gerenciar com eficiência as entradas e saídas da empresa.

Comece estabelecendo objetivos e metas financeiras para seu negócio. Seja objetivo: defina onde quer chegar, em quanto tempo e crie estratégias para atingir aquilo que deseja.

Caso queira chegar a um faturamento X em dois anos, por exemplo, crie um plano de ação para aumentar suas receitas e reduzir as despesas da agência. Para o planejamento estratégico ser eficiente, é importante não só definir metas como, também, acompanhá-las.

Separe verbas pessoais e empresariais

Outra regra de ouro do controle financeiro eficiente é manter separadas as verbas pessoais das empresariais. Tenha contas e cartões diferentes para seus gastos como pessoa física. Nunca use seu próprio dinheiro para pagar despesas da agência e vice-versa.

Manter contas separadas ajuda a controlar melhor os gastos corporativos e identificar rapidamente em que áreas é possível cortar gastos.

Escolha os melhores parceiros

Ter parceiros de valor é passo essencial para manter as finanças em dia.

Além de contar com fornecedores que prestem um serviço de qualidade, para manter as entradas e saídas em ordem, crie um calendário para pagamentos e gerencie de perto essas transações.

Invista em sistema para controle financeiro

Gerenciar o financeiro da sua agência de turismo receptivo pode ser um desafio. São muitas entradas e saídas, com recebimentos de clientes, pagamento de funcionários, fornecedores etc.

Para não perder tempo tentando descobrir o que está acontecendo no dia a dia da agência, a melhor alternativa é investir em um sistema de gestão que ajude, entre outros pontos, no controle financeiro do negócio.

Apostar nesse tipo de ferramenta ajuda a sair na frente em relação aos concorrentes e é uma forma de usar melhor o seu tempo, que pode ser investido na busca de outras melhorias para seu negócio.

Para não errar na escolha do seu sistema, aposte em soluções voltadas para o seu negócio, que organizem seus processos, oferecendo, entre outros pontos:

  • controle geral das vendas;
  • visão geral dos serviços;
  • controle operacional;
  • controle financeiro;
  • voucher automático para e-mail do cliente.

Siga nossas dicas e tenha agora mesmo um controle financeiro eficiente em sua agência de turismo receptivo!

Quer ter acesso em primeira mão a outros conteúdos de interesse de agências de turismo receptivo? Siga nossa página no Facebook!