A técnica de Cross Selling pode ser um ganho e tanto para agências de turismo receptivo. Afinal, as diversas soluções que têm para os clientes podem ser combinadas, aumentando a lucratividade da empresa e a satisfação do consumidor caso isso seja feito da maneira correta.

É importante não confundir essa técnica com o Up Selling, que nada mais é que tentar vender produtos de maior valor para aquele cliente assíduo que já vem comprando na sua loja há algum tempo. Cada abordagem tem um propósito diferente e o Cross Selling tem a ver com a combinação de diferentes produtos e serviços de forma clara e transparente para o consumidor.

Para aprender mais, continue a leitura e descubra por que essa técnica pode ser uma grande vantagem para sua agência de turismo receptivo.

Como funciona a técnica de Cross Selling?

A técnica de Cross Selling consiste em você ser capaz de vender serviços e produtos relacionados à escolha principal do cliente em seu negócio. Imagine, por exemplo, uma pessoa que entra em uma loja de calçados para comprar um sapato social. Provavelmente, ela também precisará de um par de meias nesse mesmo perfil, concorda?

Esse item adicional, quando oferecido como uma solução complementar e não simplesmente como algo que está sendo “empurrado” ao cliente, pode ser uma estratégia e tanto. Abaixo vamos explorar os principais benefícios dessa técnica para agências de turismo receptivo e mostrar como aplicá-la. Confira!

Mapeie as oportunidades

Você já sabe qual é o destino do seu cliente, correto? E o que ele vai fazer lá? Quais são os gostos dele? De que forma o que você tem a oferecer pode ir de encontro ao que ele está buscando? Talvez um serviço de traslado que você vendeu a ele possa ser associado a uma visita a um ponto turístico da cidade que ele deseja conhecer, por exemplo. Tudo depende do quanto você conhece a sua clientela e como faz a abordagem para que seja capaz de mapear as oportunidades.

Ofereça serviços adicionais

Essa é a essência do Cross Selling e você precisa aprender a executá-la da forma correta. Em vez de querer convencer o cliente logo de cara a adquirir mais de um serviço, ofereça algo que foi do interesse dele e, no pós-venda, procure apresentar um segundo serviço relacionado àquele comprado anteriormente. Assim, ele não se sentirá invadido e verá que você se preocupa em oferecer boas soluções.

Foque na experiência do cliente

Esse ponto tem a ver com o que explicamos no tópico anterior: se o cliente não estiver satisfeito e confiante, uma segunda compra não acontecerá. Portanto, faça com que ele se sinta confortável com o que está oferecendo e jamais aja como se quisesse apenas aumentar a lucratividade da sua empresa. Tal conduta é perceptível e pode fazer com que você perca aquele consumidor. Lembre-se de que é mais fácil vender para quem já compra com você do que conquistar um novo cliente.

Mantenha o cliente familiarizado com a marca

Estratégias de pós-venda como o follow-up (acompanhamento da satisfação do cliente) e boletins informacionais via e-mail com a newsletter são boas formas de manter o cliente familiarizado com a marca e mais propenso a aceitar o Cross Selling. Sem esses fatores, dificilmente a venda cruzada acontecerá. Você precisa primeiro prepará-lo para isso e nutrir essa relação em médio e longo prazo.

Por fim, considere que tal estratégia deve ser feita com transparência e sem exageros. Voltando ao exemplo da loja de sapatos, se um vendedor tentar convencer o cliente a comprar um par de meias que está parado no estoque a um baixo preço, ele deve ser completamente sincero sobre isso.

Um produto com pequenos defeitos, mas que ainda pode ser usado, é outro forte motivo para não tentar ludibriar o cliente com a técnica de Cross Selling. Se no passado as más práticas já eram ruins ao negócio, hoje com a internet e a velocidade com que as notícias correm , você deve ser mais cauteloso ainda.

Gostou de conhecer essa técnica e como usá-la em sua agência de turismo receptivo? Se ainda tem alguma dúvida, aproveite para esclarecê-la agora mesmo nos comentários.

Escreva um comentário